Mobil

[Automobile][threecolumns]

Motor

[Automobile][list]

Kapal

[Automobile][threecolumns]

Pesawat

[Automobile][list]

Kereta

[Automobile][twocolumns]

Mesin

[Automobile][bleft]

Robot

[Automobile][list]

Friday, April 19, 2019

Gol, se organize!

Silahkan membaca berita terbaru tentang otomotif berjudul Gol, se organize! di website Batlax Auto.
Esse é um tipo de postagem bem atípico. Eu geralmente não chego a escrever algo tão direcionado a alguém ou alguma coisa, fazendo um humilde pedido. Tenho quase certeza de que não vou ser atendido, e caso tenha a sorte de que me escutem, sei que não vão dar muita bola ao que estou dizendo.

Meu pedido vai para a companhia aérea Gol. 


Já contei aqui que eu viajo com certa frequência, muitas vezes a trabalho. Praticamente semana sim, semana não. E a Gol acaba sendo a escolha na maioria das vezes, já que ela geralmente tem os preços mais baixos da praça. Muitas vezes são viagens curtas, bate e volta do mesmo dia; mas cada vez mais eu acabo tendo viagens mais longas, aquelas que exigem que eu leve uma mala de mão para carregar meus pertences, em geral mudas de roupa para a estadia mais longa fora de casa.

Não, eu não estou aqui pra reclamar de preço da passagem ou do custo pra despachar bagagem. Tampouco venho aqui pra criticar o serviço de bordo, que em alguns vôos se limita a água ou pensam que só porque nós estamos voando somos passarinhos, a ponto de servir como lanche um pacotinho com sementes de abóbora e girassol.


Sério... é o fim da picada. 

A minha reclamação tem a ver com a sempre desagradável hora do embarque. Desagradável pois esse é um dos momentos em que temos que lidar com a falta de educação das pessoas, aquelas que não sabem respeitar fila, que querem levar vantagem e que são incapazes de seguir regras tão simples que um chimpanzé conseguiria sem a maior dificuldade.


Cada empresa tem a sua metodologia. Por exemplo, a Avianca trabalha com grupos, que se referem a diferentes lugares no avião, que é semelhante ao que a TAM faz. Seguem com a lógica de que faz mais sentido embarcar primeiro os passageiros do fundo do avião (considerando que se entre somente pela frente), e depois os lugares vão sendo preenchidos até chegar aos assentos mais próximos do nariz da aeronave. 

Tem sim uma lógica... embora que acaba caindo por terra por conta das prioridades por lei e dos participantes de programas de fidelidade. Pois eles sempre entram antes dos outros... e muitas vezes estão sentados na frente, de forma que durante o embarque geram todo o transtorno de bloquearem o pequeno corredor.


Mas, mesmo assim faz um pouco de sentido...

Bom, a Gol já usou diversas formas de embarque pelo o que eu me lembro. Já fez essa de chamar os passageiros do fundo primeiro, e me recordo até de uma época em que eles embarcavam primeiro os passageiros da janela, depois os do meio e por fim os do corredor. Que na minha opinião é uma sacada muito boa. Evita aquela situação em que chega o carinha da janela e precisa pedir licença para os dois sentados no corredor e no meio, que precisam se levantar para que o passageiro passe, que acaba engargalando a fila de passageiros no embarque.

A não ser que ele passe por cima...


Só que agora a Gol bolou uma estratégia "sensacional", que está alinhada com o atual cenário de custo para despacho de bagagens. Como eu comentei aqui, por conta da taxa adicional para despachar uma mala no porão, muita gente tenta dar de "ixperta" e prioriza levar tudo na bagagem de mão, para assim economizar uns trocados. Porém, como eu bem comento naquela postagem, não há espaço disponível para que a maioria dos passageiros traga consigo uma mala de mão, daquelas com rodinhas, vai faltar espaço. Tanto que agora as companhias, incluindo a Gol, lembram sempre que existe um espaço abaixo do assento à frente, que pode muito bem comportar um item pequeno... tipo uma pasta, uma maleta de notebook ou pequena bolsa. 

Provavelmente pensando nisso, a Gol agora faz um esquema diferente para o embarque. Primeiro, continuam entrando as prioridades e os membros dos programas de fidelidade, como de costume. Depois vem a novidade: embarcam primeiro os passageiros que portem apenas um item pessoal pequeno, e por último aqueles que carreguem dois volumes, em que um deles seja uma mala de mão com rodinhas.


A intenção da companhia é que o primeiro grupo de passageiros acomode suas bolsas e pastas naquele espaço debaixo do banco na frente, para deixar os bagageiros livres para os passageiros que trazem bagagens maiores. Inclusive é o que os agentes da companhia falam durante o embarque.

Mas aí é que tá o problema...

Afinal, você acha mesmo que todos os passageiros com um item pequeno vão acomodá-lo no espaço abaixo do assento à sua frente? 


Claro que não.

Esse é o grande problema desta estratégia. Brasileiro é escroto, não segue as regras e é extremamente egoísta. Tá cada um querendo resolver o seu problema da melhor forma para si, e que se fodam os outros. Como escutei certa vez de algum conhecido, o brasileiro adora clamar pelos seus direitos e exigir os deveres dos outros.

Não adianta contar com a colaboração dos passageiros, Gol. Todos esses que embarcam primeiro, ou pelo menos a imensa maioria, vão colocar suas bolsas, pastas e mochilas no bagageiro, mesmo que elas sejam pequenas o suficiente para acomodar debaixo do banco que está à frente. Porque ninguém vai querer viajar com desconforto, ninguém vai querer abrir mão do espaço que tem abaixo do assento da frente, deixando de ter a liberdade de esticar as pernas.


Afinal de contas, quando estes passageiros entram na aeronave, os bagageiros estão vazios, e ninguém vai pensar nos outros, ninguém vai ter consideração para deixá-los livres para as malas maiores.

E é o que acaba acontecendo... quando os passageiros com malas de rodinhas são convidados a embarcar, muitos dos bagageiros já estão ocupados, e temos todo um efeito cascata em que as malas vão sendo enfiadas onde dá. Tipo, o cara tá na 22F mas por ali não tem espaço, então ele volta um pouco até a fileira de número 18 e acha um espaço num bagageiro e pronto. Só que depois chega o sujeito da 18C, por exemplo, e não tem onde colocar sua mala. E assim segue, até que os últimos se fodem, sendo obrigados a despachar suas malas de mão, o que muitas vezes é complicado: afinal de contas, a bagagem de mão geralmente serve para carregarmos itens frágeis que não podem ser colocados no porão...


Enquanto isso, os malandros que embarcaram primeiro se espreguiçam de boa em suas poltronas, curtindo o espaço pras pernas enquanto suas mochilas e bolsas ficam confortáveis e seguras no bagageiro...

Pôrra, Gol! Tá tudo errado!

Eu não consigo entender o porquê dessa idéia de jerico, pombas! Alguém consegue me explicar qual a razão para embarcarem por último as pessoas com malas de mão, depois daqueles que carregam itens menores? Podem escrever nos comentários, me convençam de que está certo assim.

Tudo bem, eu imagino que uma das razões para a Gol defender essa estratégia de embarque é baseada na boa fé de que os passageiros vão dar a mínima para as recomendações repetidas exaustivamente pela equipe da companhia, sugerindo que as pessoas coloquem seus itens pequenos no chão, debaixo do banco da frente. Sei que é o mais lógico, sei que tem sentido... mas aí vocês estão sendo muito ingênuos a ponto de acreditarem que os passageiros sejam educados e tenham bom senso.

Pergunto: por que não fazer o contrário?


Sei lá, na minha cabeça faria muito mais sentido embarcar primeiro os passageiros com dois volumes, sendo um deles uma mala maior para ser acomodada no bagageiro. Embarcando primeiro, significa que nesse momento há menos tumulto dentro da aeronave, facilitando assim a acomodação das malas no compartimento superior. Além disso, os bagageiros estarão mais vazios, permitindo que essas bagagens sejam acomodadas mais rapidamente e sem a necessidade de ficar "roubando" espaço de poltronas longe da sua.

Só depois disso que deveriam embarcar os passageiros com itens menores. Se tiver espaço no bagageiro, tranquilo; agora, se não tiver, azar. Que coloquem suas bolsas e maletas debaixo do assento à sua frente, onde devem estar.


Na minha opinião fazer dessa forma é mais lógico. Claro que não vai haver espaço para todo mundo colocar suas malas de rodinhas no bagageiro, se todo mundo tiver uma mala desse porte vai faltar espaço e aí rola todo o lance de despachar direto no portão. O que eu não acho justo é que as pessoas que levem bagagens desse tipo na cabine percam o espaço porque um bando de folgados com itens pequenos ocupa o espaço do compartimento superior, quando poderiam colocá-los abaixo do banco de frente, sem atrapalhar os outros.

Só que pra isso acontecer... a Gol precisa alterar essa ordem de embarque. Precisa ter um pouco mais de bom senso e consciência de que está lidando com um povinho de merda, que só quer levar vantagem, e fazer as coisas de uma forma que seja mais justa para aqueles que respeitam as regras.

Ou então me expliquem por que é assim.
Terima kasih karena telah membaca berita tentang http://bit.ly/2GmlXEH, jika berkenan silahkan baca berita lainnya di website kami.
Silahkan berkomentar
  • Blogger Berkomentar dengan Blogger
  • Facebook Berkomentar dengan Facebook
  • Disqus Berkomentar dengan Disqus

No comments :